Páginas

quinta-feira, 28 de maio de 2009

Brasil

Ao som da música Brasis do Seu Jorge refleti bastante acerca destas minhas férias aqui no Brasil. Observei algumas mudanças como as novas gírias, novos museus e esculturas, as novas moradias que são mais concentradas (mesmo as casas de luxo), algumas aves na praia e que não pertencem àquele habitat, pessoas que cresceram, pessoas que mudaram a atitude, pessoas que evoluíram e outras regrediram. Também muitas coisas permanecem, como a eterna crise, alguns buracos e poças d´água, a continuidade de queimadas e desmatamentos, a deficiência da nossa educação, os mesmos "abutres" na política, as CPIs, entre outras que vagam em minha mente.
O crack! É mesmo... havia esquecido, mas esta droga nos relembra a sua existência, e que chegou nas outras classes sociais.
O cheirinho da maresia e do esgoto.
Os meus ouvidos a escutar boa música! Bandas novas... e más músicas, que nada me acrescentam, que não me fazem reflectir.
A sonoridade do brasileiro a falar que me encanta, mas que quando quero resolver algo com as centrais de telecomunicações, tudo me aborrece.
O sol na minha pele. Sensação maravilhosa. E a água do mar que por mais que eu saiba que está poluída, onde há todo tipo de fezes dos paulistanos, santistas e etc... quero sentir a onda bater em meu corpo.
Maravilha...

4 comentários:

Bruno disse...

hehehe
esse blog, sempre com ótimos posts!!! =]

Érika Pereira disse...

Esse texto está quase perfeito, só faltou falar que você, minha amiga chique que toma vinho do Porto, assimcomo eu tomo Brama no boteco da esquina, teve que se render ao super apetitoso Tonel velho!!! ahhhhhhhhhh essa eu não vou esquecer
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Liliam disse...

Pois é... com a falta de vinhos de qualidade, eu com a vontade de matar os velhos tempos, caí na doideira de provar o Tonel. Tipo tive que encarar uma garrafa para não desperdiçar a quantia que custou... Doooceee!
kkkkkkkkkk

Liliam disse...

mas pelo ambiente e companhia das amigas... valeu a pena mesmo!!!! rsrsrsrsrs